Abril registra terceira alta na atividade do comércio em 2024, revela Serasa Experian

As vendas do varejo físico brasileiro cresceram 0,2% em abril na comparação com o mês anterior. De acordo com o Indicador de Atividade do Comércio da Serasa Experian, essa foi a terceira alta registrada em 2024. 

Para o economista da Serasa Experian, Luiz Rabi, "apesar de abril ter registrado a terceira variação positiva dentre os quatro primeiros meses deste ano, tais variações ainda são bem tímidas (média mensal de 0,25% até agora). Assim, a atividade do comércio segue enfrentando desafios, pois o poder de compra dos consumidores permanece impactado pela inflação e pelos juros altos que, embora tenham sido reduzidas, ainda pesam no bolso da população. Além disto, boa parte dos brasileiros encontra-se em situação de inadimplência. Sem uma melhora mais consistente da renda dos consumidores, as altas do varejo deverão continuar bastante modestas ao longo dos próximos meses". 


A análise por setor revelou o maior percentual para o segmento de ""Material de Construção", que marcou alta de 1,4%. O único setor que registrou baixa foi o de "Tecidos, Vestuários. Calçados e Acessórios" (-1,5%). 


Variação anual registra alta de 4,6%


No comparativo entre abril deste ano e o mesmo mês de 2023, o crescimento da atividade física do comércio foi de 4,6%. Nesse cenário, foi o setor de "Veículos, Motos e Peças", que teve a maior expansão, de 8,3%, seguido pelo de "Combustíveis e Lubrificantes", que cresceu 7,8%.


Assessoria